Dissolver em nada


Era uma vez, uma gota, uma gota única. Esta gosta achava-se única, diferente, especial. Assim que se identificou como única, sentiu-se separada. Assim que se sentiu separada, ansiou ser vista, tocada, sentida, amada ... Por uma fração minima de um segundo, uma outra gota olhou para ela, e a gotinha viu-se, e quis manter esta ligação. Tentou com toda a força ser escolhida, manter esta ligação, partilhar-se. Inevitavelmente a gotinha foi largada no oceano. O seu ego chorou, esperneou e gritou, ela implorou para ser especial para permanecer como foi antes, ela recusou-se absolutamente a sentir-se indiscriminadamente a mesma que todos os outros no imenso oceano. Ela resistiu ser dissolvida em nada. Isto é um fato, é o que ela é. Quem escolheria uma gota quando o oceano está disponível?

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Blogger Icon

TAMBÉM ME ENCONTRA AQUI