Está na hora!


Há incerteza por todo o lado, as respostas não são tranquilizadoras,

mas sabemos que é hora. Alguns falam do fim do mundo tal como o conhecemos agora,

outros querem voltar ao "normal". Algumas pessoas repetem quase de uma maneira incontrolável;

"Tudo vai ficar bem"! Outras pessoas negam ou recusam todas as formas de evidência,

ignorando números e dados estudados. Há muita ambiguidade e ambivalência, tantas fontes de informação,

no que/quem confiar? O medo aparece de várias formas: envergonhar, culpar, reclamar, evitar

e muitas outras formas ... Ser conduzido pelo medo é tão perigoso quanto ser gerido pelo

medo de ter medo, é tudo MEDO. Está na hora!

Não para saber o que é certo ou errado, mas abraçar o que está aqui no nosso corpo. Está na hora de abraçar o que esta situação nos traz, seja medo, raiva ou tristeza ... Está na hora, de parar e ouvir o que é realmente real para nós, o que é nosso agora. Todos os eventos, interações e sensações pedem-nos para virar a nossa atenção

para as emoções mais básicas. Está na hora de nos voltarmos para os aspectos mais naturais e fisiológicos. Está na hora de ficar curioso sobre os sistemas pré-programados que estão a correr inconscientemente em nós. Está na hora de aceitar por inteiro quem somos, porque este é o momento de mudança e transformação.

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Blogger Icon

TAMBÉM ME ENCONTRA AQUI